Cuiabá (MT), 20 de abril de 2019 - 08:16

? ºC Cuiabá - MT

Noticia

16/04/2019 13:42

Repasse de duodécimos: MPE abre inquérito para apurar possíveis crimes de Pedro Taques

O Ministério Público Estadual (MPE) instaurou um inquérito civil contra o ex-governador Pedro Taques, por conta da falta de repasses dos duodécimos aos poderes. Segundo o órgão ministerial, há a possibilidade de crime de responsabilidade e uma eventual violação à Lei de Responsabilidade Fiscal.

O Ministério Público Estadual (MPE) instaurou um inquérito civil contra o ex-governador Pedro Taques, por conta da falta de repasses dos duodécimos aos poderes. Segundo o órgão ministerial, há a possibilidade de crime de responsabilidade e uma eventual violação à Lei de Responsabilidade Fiscal.

 O Governo do Estado teve problemas durante a gestão de Taques no repasse dos duodécimos ao Tribunal de Justiça (TJMT), MPE, Defensoria Pública, Tribunal de Contas e Assembleia Legislativa. Em abril de 2018, o secretário de Estado de Fazenda, Rogério Gallo, revelou que a dívida com os poderes chegava a R$ 535 milhões.

O promotor também solicitou informações ao próprio órgão ministerial, através do procurador-Geral de Justiça, sobre o cumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta e sua situação atual.

“Seja oficiado ao Procurador-Geral de Justiça para remeter cópia do Termo de Ajustamento de Conduta assinado em 12/09/16 entre os Poderes do Estado e o Governo do Estado de Mato Grosso, referente ao repasse dos duodécimos bem como para informar sobre seu cumprimento ou não e qual a situação atual do procedimento em que ele foi firmado, bem como se houve execução do ajuste”, diz a portaria.


Fale Conosco

Fone (65) 3023-2102
redacao@maxnoticias.com.br

 

Assessoria Jurídica.

Marcos Davi Andrade

Copyright 2015 - Todos os direitos reservados.
Max Notícias.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo