Cuiabá (MT), 20 de outubro de 2020 - 16:03

? ºC Cuiabá - MT

eleiçoes agora

29/08/2018 08:32

TV Cuiabá realiza debate com candidatos ao Governo na próxima segunda-feira

Os cinco candidatos ao Governo de Mato Grosso, Wellington Fagundes (PR), Pedro Taques (PSDB), Mauro Mendes (DEM), Arthur Nogueira (Rede) e Moisés Franz (PSOL), já confirmaram participação no debate da TV Cuiabá, HDTV 47.1, que acontece no próximo dia 3 de setembro, no auditório da Todimo Home Center, na avenida Miguel Sutil, no bairro Consil, a partir das 20 horas. O debate será conduzido pelo jornalista Maksues Leite, diretor Geral da TV Cuiabá.

As regras para o encontro foram definidas em uma reunião com os representantes dos candidatos e dos partidos na sede da TV Cuiabá. Não será permitida, em hipótese alguma, a substituição do candidato titular por qualquer outro nome do partido ou coligação, mesmo sob alegação de motivo de força maior. Aquele que não comparecer terá seu espaço preservado no cenário e sua cadeira e bancada ficarão vazias.

O debate terá cinco blocos. No primeiro bloco, os candidatos responderão a uma pergunta feita pelo mediador. Valendo como uma apresentação, onde o candidato responderá “Por que o senhor acredita que merece o voto do eleitor de Mato Grosso?”, e terá tempo máximo de três minutos para resposta.

No segundo bloco, os candidatos terão tempo para responder as perguntas de dez jornalistas convidados, em 02 (duas) rodadas de 05 (cinco) perguntas, sendo uma por veículo, em sequência pré-definida pela coordenação do debate. O candidato que responderá a cada pergunta será definido por sorteio feito pelo mediador durante o debate, em duas sequências de sorteios.

Cada pergunta terá duração máxima de um minuto e as respostas poderão ter tempo máximo de 02 minutos. Os veículos convidados são: O Documento, Página do E, VG Notícias, Folhamax, Mídianews, RepórterMT , Olhar Direto, RDNews, Hipernotícias e PNBonline.

No terceiro e quarto blocos, os candidatos farão perguntas entre si, com direito a réplica e tréplica, onde cada candidato escolhe livremente quem vai responder a uma pergunta com duração máxima de um minuto. As respostas poderão ter tempo máximo de dois minutos. A réplica poderá ser de no máximo um minuto e a tréplica também de um minuto. A ordem das perguntas, nos dois blocos, será de acordo com sorteio prévio. 

O quinto e último bloco é reservado para as considerações finais de cada candidato, com tempo máximo de três minutos. A sequência para as considerações finais será definida por sorteio feito pelo mediador ao vivo.

Apenas cinco assessores de cada candidato, devidamente identificados e portando credenciais, poderão acompanhar o debate dentro do auditório (poltronas) e serão permitidos celulares e tablets, desde que no modo silencioso. Os assessores, por sua vez, só poderão se comunicar com seu candidato nos intervalos do debate. Os intervalos comerciais em um total de quatro terão a duração mínima três minutos e máxima de cinco. Não serão permitidas manifestações, ruídos, assovios, vaias, aplausos, gestos obscenos ou qualquer outra interferência que possa afetar a atenção dos debatedores.

O parágrafo primeiro das regras diz que quem porventura venha a infringir as regras de conduta e discrição, será convidado pela coordenação do debate a se retirar. Parágrafo Segundo: A coordenação do debate reserva-se ao direito de permitir, em casos extrema excepcionalidade, a entrada de autoridades reconhecidamente relevantes, no limite máximo seis, que estarão sujeitas às mesmas regras de conduta dos demais presentes no auditório.

Se um candidato citar de forma ofensiva ou agressiva o adversário, ou o partido, ou o governo ao qual ele esteja ligado, o candidato que se sentir ofendido poderá solicitar direito de resposta. O pedido será avaliado pela coordenação do debate. 

As regras também não permitem que um candidato fale fora de hora ou apele para temas que venham a afetar a honra e a vida pessoal do adversário. Nosso objetivo é oferecer uma discussão sobre propostas e ideias que ajudem na escolha do eleitor.

Ao longo de todo o debate os candidatos deverão manter a lisura, ética e respeito a seus adversários, sob pena de, em primeira ocorrência, advertência verbal do mediador. Em caso de reincidência, corte do microfone. Insistindo-se no abuso, renitência ou uso de termos chulos ou palavrões, agressões verbais ou ameaças verbais ou físicas, o participante será convidado a se retirar. Caberá à coordenação do debate decidir sobre a saída do participante que venha a transgredir estas regras fundamentais de comportamento, respeito e ética.

Fonte:http://odocumento.com.br


Fale Conosco

Fone (65) 3023-2102

Patricia Bueno Mussi
redacao@maxnoticias.com.br

 

 

Assessoria Jurídica.

Marcos Davi Andrade

Copyright 2015 - Todos os direitos reservados.
Max Notícias.

Crie seu novo site Go7
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo