Cuiabá (MT), 25 de fevereiro de 2020 - 11:07

? ºC Cuiabá - MT

DROGAS

04/10/2019 13:08

Promotor de eventos fez "vídeo" vendendo drogas sintéticas no Instagram

O promotor de eventos e candidato a deputado federal, derrotado com apenas 513 votos nas eleições de 2018, Reginaldo da Silva (Avante), conhecido como “Jack Paparazzo”, foi preso a partir de um vídeo publicado nos stories do seu Instagram. Veja no final da matéria as imagens.

No vídeo, é possível ouvir a conversa em que o suspeito e uma mulher fazem a transação para compra de drogas sintéticas: “Qual a ‘after’ que você tem aí?”. O suspeito responde: “Só tenho bala e uns negócio só, e MD”, e a mulher afirma: “Ah, então eu quero o MD”.

Na linguagem das festas raves, after hours privadas são simplesmente uma continuação da noite, "a grande diferença é que acontecem em casa de alguém". As drogas negociadas são sintéticas produzidas em laboratórios clandestinos e possuem como base a anfetamina.

Na rede social, o homem aparece em diversos fotos com pessoas famosos, como por exemplo os cantores Wesley Safadão, Maiara e Maraisa, Felipe Araújo, Marília Mendonça, Gustavo Mioto e políticos do Estado.

Jack exibia nas redes sociais uma vida de ostentações, em baladas, festas, coberturas, restaurantes caros e ao lado de mulheres. Ele foi preso pela Delegacia de Repressão ao Entorpecente (DRE), suspeito de tráfico de drogas, na manhã desta sexta-feira (4), no bairro Poção, em Cuiabá.

Ele conhecido por comercializar ingressos e participar de shows e eventos da noite cuiabana. Os policiais chegaram até o ex-candidato após receberam uma denúncia de que em seu apartamento havia materiais para fabricação de drogas sintéticas.

Diante disso, foi expedido mandado de busca e apreensão para verificar a queixa. Durante os trabalhos, os policiais encontraram grande quantidade de drogas sintéticas e, diante disso, o promotor foi preso em flagrante.

Além dos entorpecentes, foram encontrados materiais utilizados na fabricação do entorpecente conhecido como "Loló". Esse tipo de droga, segundo a Polícia Civil, é usada como inalante - pelo nariz ou pela boca - diretamente de uma latinha ou garrafa, com efeitos parecidos ao do gás butano.

"Esse indivíduo é conhecido por comercializar entorpecentes em festas rave aqui da Região Metropolitana", disse o delegado Vitor Hugo Bruzolato, responsável pela ação policial.

Após a prisão, Jack será levado à sede da DRE para prestar depoimento à autoridade policial. Em seguida, ele será levado ao Fórum de Cuiabá, onde passará por audiência de custódia. Durante o procedimento, o juiz de plantão analisará se converterá a prisão em flagrante em preventiva.

HiperNotícias optou por borrar as imagens do vídeo que mostra a comercialização de drogas para preservar as pessoas que estavam na festa.

Fonte:hipernoticias.com.b


Fale Conosco

Fone (65) 3023-2102
redacao@maxnoticias.com.br

 

Assessoria Jurídica.

Marcos Davi Andrade

Copyright 2015 - Todos os direitos reservados.
Max Notícias.

Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo